Campus Recanto das Emas: Uma realidade cada vez mais próxima da comunidade

O que antes era apenas ruína está se tornando a nova unidade do Instituto Federal de Brasília (IFB) na cidade administrativa do Recanto das Emas.  O espaço antes abandonado e ocupado por usuários de crack era para ter sido ocupado pelo projeto assistencialista Cidade dos Meninos. Com a doação do antigo local pelo Governo de Brasília e recursos financeiros do Ministério da Educação, a revitalização do prédio principal e as obras em todo o espaço foram possíveis. Atualmente, com obras adiantadas e previsão de inauguração para fevereiro de 2018, o IFB Campus Recanto das Emas já dá sinais que chegou a região. O projeto inicial vai contar com onze salas de aulas, quatro laboratórios de Informática; Artes e Ciências; Áudio e Vídeo e Edição e Editoração. Além de uma biblioteca, uma  quadra poliesportiva e espaços para as salas administrativas.

O eixo tecnológico escolhido em audiência pública com a população foi o de “Produção Cultural e Design”. O primeiro curso a ser ofertado será o de Técnico em Produção de Áudio e Vídeo. O campus terá capacidade para atender 1.200 estudantes, inclusive com a oferta de ensino médio integrado.  A escolha pelo curso aconteceu considerando as demandas do mercado em Brasília,  um dos maiores centros de emissoras de rádio e televisão o País.

A estrutura para o curso de Produção de Áudio e Vídeo inclui estúdio e laboratórios para atender 40 alunos simultaneamente com equipamentos de última geração. A ideia é simular o espaço de trabalho de uma emissora de TV ou de uma produtora de vídeo com ilhas de edição, equipamentos de externas, chamadas de UPJ – Unidade portátil de jornalismo ou UPP – Unidade portátil de produção. As possibilidades de inserção no mercado profissional são para emissoras de TV, agências de publicidade e produtoras de audiovisual.

O curso de Técnico em Áudio e Vídeo será oferecido em duas modalidades: Integrado (para o adolescente que terminou o ensino fundamental e pode cursar o ensino médio profissionalizante) e Subsequente (para aquele que já terminou o ensino médio e deseja fazer apenas  o ensino profissionalizante). O conteúdo programático ainda inclui noções de Iluminação e Fotografia. Os futuros profissionais do IFB poderão atuar em três áreas: operador de câmera, operador de áudio e editor de imagens. O formando também poderá exigir registro profissional de radialista, já que o curso é certificado pelo MEC.

A abertura de novo processo seletivo para a Unidade está prevista para segunda quinzena de dezembro  com a  oferta de 240 vagas, sendo 160 para o curso integrado e 80 para o curso subsequente. As inscrições acontecerão durante o mês de janeiro. “A população do Recanto das Emas será beneficiada com os cursos do Instituto. Em fevereiro já teremos alunos iniciando o primeiro curso de Técnico de Áudio e Vídeo profissionalizante do Distrito Federal. Há expectativa é muito grande entre nossos servidores e docentes para a inauguração do novo campus”, afirma o Prof. Wilson Conciani, reitor do IFB.

Com mudança marcada para o final do ano, a ideia é começar a movimentação de materiais assim que as condições da obra permitirem. “Todos estão animados com as boas perspectivas no Recanto das Emas.  Parte dos servidores e infraestrutura do novo campus será migrada do Campus Taguatinga Centro.  Serão 42 docentes e 35 servidores inicialmente para atender a demanda local da população”, afirmou o Prof. Germano Teixeira Cruz, atual diretor do Campus Taguatinga e futuro diretor do Campus Recanto das Emas.

Acompanhe novas informações sobre a abertura do processo seletivo aqui no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *