Servidores pioneiros recebem homenagem do IFB

 

Os primeiros servidores do Instituto Federal de Brasília (IFB) completaram 10 anos de carreira neste dia 15 de abril de 2018. A homenagem e entrega do Diploma de Mérito foi realizada na tarde desta segunda, 16 de abril, no miniauditório do Campus Brasília.

O reitor do IFB, prof. Wilson Conciani, abriu a solenidade enumerando vitórias da Instituição nestes 10 anos. “ Por termos consciência de estarmos em construção, muitas vezes temos dificuldades para enxergar tudo que já fizemos conquistamos. E se hoje temos 10 campi e mais de 13 mil profissionais formados temos muito a reconhecer à dedicação destes pioneiros”, disse.

A pró-reitora de Gestão de Pessoas, Maria Cristina Madeira, agradeceu a todos e desejou que a trajetória profissional de todos seja longa e feliz.

A solenidade foi mesmo marcada por grande emoção na troca de depoimentos dos servidores-pioneiros.

A Profa. Diane Fiamoncini falou do seu orgulho em pertencer ao IFB e testemunhou seu crescimento pessoal e profissional.

A Profa. Sandra Branchini citou a Editora como uma das conquistas da Instituição que permite a publicação do resultado das pesquisas de técnicos e docentes.

Prof. Marcelo Leite, está na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica há 48 anos, sendo uma década dedicada ao IFB. Ele foi pró-reitor de Extensão da Reitoria, diretor-geral do Campus Planaltina, do Campus Taguatinga, do Campus Gama e agora do Campus Estrutural. “O servidor da Rede Federal dentro de um Instituto está em casa em qualquer lugar do Brasil. Eu passei um bom tempo cedido para outros órgãos e há 10 estou no IFB. Chegar aqui foi voltar para casa. E o que me deixa mais feliz é ver nosso reconhecimento nas comunidades que estamos”, narrou.

A Profa. Ana Carolina Mendes, também emocionou a todos ao recordar de situações hostis do início. “Cada um teve sua motivação particular ao entrar e as dificuldades que passamos nos fortaleceu, alimentou amizades. Eu sou filha de servidores públicos, destes que antes da profissão que exercem na engenharia ou na advocacia se orgulham de serem servidores públicos. E o maior exemplo que tive deles foi a retidão. E assim, sinto que o IFB é minha casa. Todos os dias é preciso que nos blindemos de autonomia e independência e foquemos na excelência do nosso servir, para enfrentar as oscilações políticas no nosso País”, aconselhou.

Confira a lista dos servidores do IFB que completaram 10 anos em prol da Instituição.

Confira mais fotos deste momento no Flickr do IFB

 

TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS
NOME SETOR EXERCÍCIO
ADRIANA SOARES CAMARA CDRA DGPL
GUSTAVO CALDEIRA FONSECA CDPR DGPL
HUGO SILVA FARIA CITIC RIFB
JOYCE SILVA DOS SANTOS CDAE DGPL
MARIELA DO NASCIMENTO CARVALHO CGBB DGBR
PRISCILA DE FÁTIMA SILVA DPAS RIFB
     
DOCENTES
NOME   EXERCÍCIO
ANA CAROLINA DE SOUZA SILVA DANTAS MENDES   DGBR
ANDRÉ FERREIRA PEREIRA   DGPL
BRUNO CEOLIN DA SILVA   DGPL
DIANE IVANISE FIAMONCINI   DGPL
FERNANDA BARTOLY GONÇALVES DE LIMA   DGBR
GUILHERME ROCHA DE REZENDE   DGBR
IGOR ALYSON ALENCAR OLIVEIRA   DGPL
JULIANO ROSA GONÇALVES   DGPL
LUCILENE ALVES VITÓRIA DOS SANTOS   DGPL
MARCELO SILVA LEITE   DGES
MAGNO ALVES DE OLIVEIRA   DGES
MARIA APARECIDA SILVA DE ABREU   DGTG
PATRÍCIA SILVA SANTIAGO MELO   DGCE
RONALDO LIBERATO DOURADO   DGPL
ROSANE CAVALCANTE DE SOUZA   DGBR
SANDRA MARIA BRANCHINE   DGBR/RIFB
SINARA NUNES GUEDES   DGSA
TÁCITO DANTAS FROTA LEITE   DGBR
THAINARA CASTRO LIMA   DGBR

 

IFB recebe prédio da União para a instalação da Reitoria

O Instituto Federal de Brasília (IFB) recebeu da Superintendência do Patrimônio da União (SPU) um prédio para a instalação da Reitoria. O espaço de 3,6 mil metros quadrados está localizado no Setor de Autarquias Sul e está avaliado em R$ 4, 6 milhões.

O termo de cessão do imóvel foi assinado na tarde desta segunda-feira, 09 de abril, na sede da SPU, pela superintendente do órgão, Fabiana Cristina Tavares Torquato, e o reitor do IFB, Wilson Conciani.

“Nestes 10 anos priorizamos a instalação dos nossos campi e agora que todos estão com suas devidas sedes estamos focando em atendermos a lei que cria os Institutos Federais que nos orienta a termos a Reitoria em espaço distinto dos campi”, explicou o reitor.

O prédio cedido pela União tem 10 andares e 2 subsolos, além de área de estacionamento para os servidores. A Reitoria do IFB ocupará sete pavimentos e um subsolo, outros três andares e um subsolo estão sendo ocupados pela Superintendência Federal da Agricultura – SFA, que dividirá as despesas de manutenção do imóvel com o Instituto.

“Nossa previsão é iniciar a mudança no próximo mês de maio com o Gabinete e as Pró-reitorias de Ensino (PREN) e Administração (PRAD), ocupando dois andares. Já estamos buscando recursos para reformas dos outros cinco andares. Se tudo der certo, nossa previsão é concluir a mudança de todos os setores da Reitoria até o final do ano”, disse Conciani.

Voluntários do IFB se destacam na organização do Fórum Mundial da Água

Cerca de 400 alunos e servidores do Instituto Federal de Brasília (IFB) estiveram mobilizados como voluntários na organização do 8º Fórum Mundial da Água, que aconteceu no Centro de Convenções Ulysses Guimarães e no Estádio Mané Garrincha.

As equipes de estudantes foram supervisionadas por professores (também voluntários) em ações de motivação, coordenação de áreas, apoio às salas, cerimonial, programação científica, segurança, credenciamento, salas de conferência, logística de alimentos & bebidas, relatoria, entre outros. Os participantes da iniciativa receberam identificação, lanche, transporte (ida e volta para a rodoviária) e certificação.

“A participação dos servidores, professores e alunos foi muito elogiada pela comissão organizadora do evento. Tanto no Fórum principal quanto na Vila Cidadã a presença dos voluntários foi um diferencial, foi possível ver nosso grupo envolvido nas atividades, desde o palco principal até a organização das salas. Recebi agradecimentos do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg e, do Coordenador do Comitê-Executivo para o 8º Fórum Mundial da Água, Rogério Menescal”, pontuou Wilson Conciani, reitor do Instituto.

Foram experiências únicas marcadas pela recepção de representantes estrangeiros, desde a presença do Príncipe do Japão à apresentações culturais, como da comitiva de Moçambique.  Permanece certamente, o sentimento de dever cumprido pelos futuros e atuais profissionais do IFB: servidores, docentes e alunos dos campi Brasília, Gama, Riacho Fundo, São Sebastião, Samambaia e São Sebastião.

Austrália apresenta ao IFB possíveis parcerias em pesquisa e cooperação acadêmica

O Instituto Federal de Brasília (IFB) sediou conferência com representantes de instituições australianas com a proposta de vislumbrar parcerias de pesquisas e cooperação acadêmica nas áreas de agricultura, engenharia, água, meio ambiente, biotecnologia e energia. O evento aconteceu na noite desta quarta-feira, 14 de março, e reuniu mais de 50 pessoas do IFB, universidades parceiras do Distrito Federal e representantes do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) .

Pela Austrália, participaram uma delegação do Estado de Queensland, formada pelos professores Stuart Bunn (Griffith University), Roger Hellens (Quewnsland University of Technology), Ashantha Goonetilleke (Quewnsland University of Technology), Talal Yusaf (University of Southern Queensland), Andrew Irving (Central Queensland University) e Luis Silva (University of Queensland).

Também participaram os senhores Alex Pessagno (TIQ Commissioner), Andres Gebauer (TIQ Education Manager) e a senhora Vanessa Lao ( Group Manager International Education and training) e representando o Governo Australiano estavam o senhor Mathew Johnston e a senhora Cristina Elsner.

“Estamos otimistas com possíveis parcerias com Queensland para ampliação de nossas pesquisas e experiências acadêmicas”, comentou a assessora Internacional do IFB, Profa. Edna Carvalho de Azevedo.

PRGP promove atividades em homenagem às mulheres

A Pró-reitoria de Gestão de Pessoas (PRGP) do Instituto Federal de Brasília (IFB) preparou atividades especiais às servidoras em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

No hall do segundo andar, das 9h às 15h, aconteceram oficinas de automaquiagem e de artesanato, além de sessão de ginástica laboral e um aulão de ritmos.

 “Eu achei a iniciativa muito boa, aproveitar o Dia da Mulher e promover um dia diferente. O dia começou ótimo com a automaquiagem e com a ginástica laboral”, comentou Andreia Mello, servidora da Reitoria.

Dirigentes participam de integração no Campus Riacho Fundo

Os dirigentes do Instituto Federal de Brasília (IFB) participaram de um jantar especialmente preparado pelo Campus Riacho Fundo. A confraternização envolveu a todos que participaram da reunião ordinária do grupo de gestores e valorizou os talentos dos cursos ofertados pela Unidade.

Os diretores e pró-reitores custearam a compra dos alimentos que foram carinhosamente preparados em aula prática pelos alunos dos cursos Técnicos em Cozinha e em Panificação (modalidade subsequente).

“Toda semana realizamos reunião entre os dirigentes e todas às quartas temos a Reitoria Itinerante visitando os campi e ouvindo a comunidade. Nosso encontro desta semana teve um toque especial porque conseguimos ir além dos diálogos por soluções para os nossos desafios. Conseguimos nos confraternizar e ao mesmo tempo nos felicitar com o fruto do aprendizado de nossos alunos”, comentou o reitor, Prof. Wilson Conciani.

IFB firma protocolo de intenções com a Universidade de Vigo

O Instituto Federal de Brasília (IFB) firmou protocolo de intenções com a Universidade de Vigo, da Espanha, visando impulsionar grupos de pesquisa intercontinentais e fortalecer a capacitação dos profissionais de Ensino com a possível oferta de Mestrados e Doutorados.

A assinatura do acordo prévio foi firmada pelo reitor do IFB, Prof. Wilson Conciani, com o reitor da UV, Salustiano Mato, nesta quarta-feira, 21 de fevereiro. A solenidade contou com a presença do embaixador da Espanha no Brasil, Fernando Villalonga.

Um plano sobre a mobilidade dos profissionais está sendo analisada, com o objetivo de facilitar e intensificar a cooperação para o desenvolvimento de projetos e atividades de Inovação e Desenvolvimento.

A Universidade de Vigo tem três campi – Pontevedra, Ourense e Vigo, com escolas superiores em áreas que vão da Engenharia Industrial, Linguagens, Gestão, Telecomunicações, Química, Biologia, Saúde, Florestas, Comunicação, Informática, Ciências da Educação, entre outras.

MDS dialoga sobre oferta de cursos profissionalizantes

O reitor do IFB, Prof. Wilson Conciani, acompanhado dos pró-reitores de Extensão e Cultura em exercício, Rodrigo Alfani, e de Ensino, Adilson Araújo, receberam nesta sexta, 16 de fevereiro, o secretário de Inclusão Social e Produtiva, Vinicius Botelho, o secretário-adjunto, Rodrigo Loureiro, e o assessor Rogério Campos do Ministério do Desenvolvimento Social – MDS.

Eles ouviram sobre as experiências de ofertas de cursos de formação inicial e continuada do IFB com públicos especiais como pessoas em situação de rua (sem moradia), mulheres em vulnerabilidade social e agricultores familiares em ações próprias do IFB e também através de programas como o Mulheres Mil e o Pronatec.

O reitor também explicou sobre o método da escolha dos cursos técnicos do IFB, sempre indo além das estatísticas e dialogando com todos os setores sociais e empresariais.

Os gestores do MDS propuseram a formação de um grupo de trabalho para estudar uma nova sistemática de oferta de cursos profissionalizantes.

IFB reforça parceria com o Comando dos Bombeiros para oferta de cursos

Foram retomados diálogos com o comando do Corpo de Bombeiros Militar de Brasília para acordo de cooperação entre as duas instituições sobre a oferta de cursos de formação inicial e continuada. Um plano de trabalho vem sendo elaborado. Entre as capacitações que o Instituto poderá receber estão primeiros socorros, plano de evacuações em casos de emergência e situações com produtos perigosos. O Instituto também oferecerá cursos para os bombeiros.

Na quarta, 07 de fevereiro, o comandante do CBMDF, Luiz Cláudio Barbosa Castro e o diretor de Ensino do Comando, William Augusto Ferreira Bomfim estiveram no IFB acompanhados do Administrador do GDF – Núcleo Bandeirante, Candangolândia e Park Way, Roosevelt Vilela. Eles foram recebidos pelo reitor, Prof. Wilson Conciani.  O pró-reitor de Extensão e Cultura em exercício, Rodrigo Alfani e a assessora do GDF, Dayanne, também participaram da reunião.

Parceria com OEI irá impulsionar mobilidade internacional

O Instituto Federal de Brasília (IFB) vai aderir ao Projeto Paulo Freire de Mobilidade Acadêmica para Estudantes de Programas Universitários de Formação de Professores organizado pela Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).

O programa visa apoiar que estudantes de licenciatura façam intercâmbio no exterior, recebendo investimento para auxiliar nos gastos com alojamento, alimentação, dentre outros. “A realização de um período de estudo no exterior contribui para o desenvolvimento de conhecimentos e habilidades profissionais e interculturais, assim como a aquisição de boas práticas, através de encontros formativos, seminários e grupos de reflexão”, entende a OEI,  organismo internacional de caráter governamental para a cooperação entre os países ibero-americanos no campo da educação, da ciência, da tecnologia e da cultura no contexto do desenvolvimento integral, da democracia e da integração regional.

O assunto foi tratado em reunião esta semana (07 de fevereiro) entre a diretora da OEI no Brasil, Adriana Rigon Weska, o coordenador de Desenvolvimento de Cooperação Técnica, Leonardo Serikawa, a gerente de projetos da Organização , Telma Teixeira, com o reitor do IFB, Prof. Wilson Conciani, o pró-reitor de Extensão e Cultura em exercício, Rodrigo Alfani, e a pró-reitora de Administração, Simone Cardoso.

Segundo a pró-reitora de Administração, outro assunto que vem sendo tratado com a OEI é o PRODOC (Programa de Apoio a Projetos Institucionais com a Participação de Recém-Doutores).

“A OEI já é parceira do Instituto na realização do ConectaIF e estamos muito felizes com esses novos passos para impulsionar a internacionalização positiva do nosso Ensino, alicerçado na Extensão e na Pesquisa também”, comentou.